Dias de Sangue e Estrelas - Laini Taylor

Título: Dias de Sangue e Estrelas
Autora: Laini Taylor
Páginas: 448
Editora: Intrínseca
Gênero: Ficção/Romance

Karou, uma estudante de artes plásticas e aprendiz de um monstro, por fim encontrou as respostas que sempre buscou. Agora ela sabe quem é - e o que é. Mas, com isso, também descobriu algo que, se fosse possível, ela faria de tudo para mudar: tempos atrás Karou se apaixonou pelo inimigo, que a traiu, e por sua culpa o mundo inteiro foi punido. Na deslumbrante sequência de Feita de fumaça e osso, ela terá que decidir até onde está disposta a ir para vingar seu povo. Dias de sangue e estrelas mostra Karou e Akiva em lados opostos de uma guerra ancestral. Enquanto os quimeras, com a ajuda da garota de cabelo azul, criam um exército de monstros em uma terra distante e desértica, Akiva trava outro tipo de batalha: uma batalha por redenção... por esperança. Mas restará alguma esperança no mundo destruído pelos dois? 
Brimstone e muitos outros Quimeras estão mortos. Akiva não para de se culpar, pois sua amada Karou está, supostamente, morta também. Os anjos andam aniquilando os Quimeras que restaram. Karou, a dona do nome cujo significado é esperança, se tornou a ressurreicionista do seu povo. Numa localização que jamais seria pensada por seus inimigos, a garota dos cabelos azuis lutará para combater a guerra que não parece ter fim e, ao mesmo tempo, se defender do perigo que a espreita de perto.

Feita de Fumaça e Osso foi pra mim um livro que teve seus altos e baixos.  Laini construiu uma história muito fascinante, mas se perdeu um pouco e certos momentos se tornaram monótonos e arrastados. Dias de Sangue e Estrelas se mostrou bem superior e mesmo que a narrativa tenha me incomodado um pouco no começo, a enxurrada de revelações e acontecimentos que pude acompanhar fez a história do amor proibido de um anjo e um demônio subir no meu conceito.

Preciso começar ressaltando os dois melhores personagens da história: Mik e Zuzana. Quem leu o primeiro volume da trilogia, pôde ver a irreverência do casal. Laini Taylor deu agora um destaque pro casal colocando-os  juntos com Karou na aventura. Os dois tiverem capítulos exclusivamente para eles mostrando as situações e apuros que passavam. A interação e o humor deles tornou a leitura até menos densa, visto que Dias de Sangue e Estrelas tem vários momentos de tensão e embates. Zuzana está sempre pronta para quebrar o clima tenso com alguma frase engraçada enquanto Mik é um romântico a moda antiga *suspira*. Que os dois tenham um final lindo no próximo livro.

O amor de Karou e Akiva não está tão presente agora *viva*. O grande obstáculo que tive lendo o primeiro livro foi exatamente a relação dos dois, que empacou o ritmo perfeito que Laini vinha conduzindo tudo. Agora o foco está na guerra travada entre as duas espécies. A ação e os mistérios envolvendo Karou e o Lobo Branco contribuíram muito para elevar o nível da história. 

Karou é o tipo de personagem que aprecio muito.  A garota, que agora se intitula mulher, está decidida a ajudar seu povo e ao mesmo tempo se vê numa guerra interna porque sente que corre perigo perto do Lobo Branco. Essas dúvidas que pairaram na cabeça dela me deixaram curioso e posso garantir: Laini conseguiu mais uma vez intrincar a trama e dar um nó na minha cabeça com tantas informações que se entrelaçaram de maneira perfeita. É, uma verdadeira montanha-russa de sensações.

Dias de Sangue e Estrelas foi a continuação perfeita para Feita de Fumaça e Osso. Não atribuo cinco estrelas para o livro porque a narrativa de Laini não conseguiu me prender totalmente. Claro, isso é comigo e pode ser diferente com outros leitores. Mas o talento dela para criar uma história que reúne magia, romance, ação e aventura é incontestável. Se você gosta desses elementos essa trilogia é uma ótima pedida.

4 comentários:

  1. Oi Lucas,

    Gostei muito de Feita de Fumaça e Osso, adorei todo esse novo universo criado pela autora. Fico feliz de saber que a sequência é ainda melhor já que Feita de Fumaça e Osso tem suas ressalvas. Adorei a resenha!

    Beijo,
    Naty - Just Books.

    ResponderExcluir
  2. Oi Lucas!

    Eu amei os dois livros igualmente e acho que a narrativa da autora combinou comigo. Que bom que apreciou a leitura. Gostei muito do seu ponto de vista e concordo contigo com respeito ao talento da autora para criar essa história.

    Beijos

    http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Quero muito ler essa trilogia, só estou esperando sair o último pra comprar os três juntos. Bom saber que mesmo com pontos baixos superou o primeiro. Ótima resenha.

    Abraço!
    http://constantesevariaveis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. muito legal! Estou morrendo de vontade de ler esse livro.
    Seu blog é muito lindo ,parabens
    Se você puder acessar meu blog e deixar sua opinião nos comentarios seria realmente muito importante. Obrigada

    http://eraumavezumaestante.blogspot.com.br/

    Bia

    ResponderExcluir

Olá :D
Espaço reservado para comentários.
Ofensas serão excluídas.
Tem um blog? Deixe o link no final do comentário.
Obrigado!